13 abril 2008

Beijo

cinza antigo da coruja
em toques ao branco em neve lunar

negro da pata de aranha
em toques de rubros ao casto da rosa

treva da capa da noite
em toques de sol à íris que surge

escuro do pêlo de onça
em toques ao claro de água na fonte

cipreste de verde tão triste
em toques ao azul calmo de céus:

meus lábios
nos teus

Um comentário:

/ceuouinferno disse...

Me lembrou o dia que tu levou 'Um Beijo', do Olavo Bilac pra minha turma. Não que elas se pareçam, mas talvez a poesia ligada a pessoa, sei lá!
De qualquer forma, gostei muito!

Abraços