11 julho 2012

Insisto: Taxa de Mortalidade da Gripe A é Maior do que a da Gripe Comum

Em 2009, quando ocorreu o surgimento no mundo da gripe A, ou gripe suína,  afirmei aqui no blog que, segundo os dados até então obtidos sobre a doença, a taxa de mortalidade da gripe A era um pouco maior que o da gripe comum. Na ocasião, questionei o jornal Expresso Ilustrado por ter informado em suas páginas que a mortalidade da gripe comum era maior que a da gripe A. Naturalmente, o jornal não aceitou meu questionamento.  

Bem, passaram-se três anos e a gripe A volta a assolar os gaúchos. Agora, com mais tempo para se analisar as ocorrências da doença, parece mesmo que a gripe A possui sim uma taxa de mortalidade maior. Segundo estudos que vêm sendo realizados (clique aqui) a gripe causou e vem causando muito mais mortes do que se pensava. O total de mortos pela gripe A foi elevado em 15 vezes com relação ao que havia se calculado anteriormente. 

Peguemos o exemplo atual do RS. Até o momento, estamos com 145 casos confirmados e 23 mortes. Taxa de mortalidade de altíssimos 15,86%. A taxa de mortalidade da gripe comum é de 1 a 2%. E esse alto índice de mortalidade não é só aqui no RS. Vejamos nos EUA: "Os Estados Unidos, com 300 milhões de habitantes, confirmaram mais de 300 mortes de crianças por causa do vírus H1N1, e dizem que provavelmente o número real foi muito maior. Isso equivale a mais do que o dobro dos números registrados durante a epidemia sazonal de gripe de todos os anos." Isso está aqui.

Os fatos falam por si. O que o Expresso Ilustrado fala agora sobre a taxa de mortalidade da gripe A aqui no RS? Eu não sei, porque não acompanho o jornal.

Um comentário:

Dan Cordeiro disse...

Boa noite!!!
venho informa-lo que na realidade o calculo mensionado para RS não foi realizado com base científica pois o que fez na realidade chama-se Letalidade e não mortalidade.
Foi um engano cometido por muitos jornais e revistas da época
O calculo de mortalidade envolve dividir o número de mortes pela doença e dividir pelo número da população do lugar.
grato