12 abril 2013

Um Círculo


o infinito é um círculo
que se infinita em seu dentro
por círculos infinitos
ao infinitesimal
o universo é um círculo
que se circula a si mesmo
circulando o que envolve
e o (re)tornando círculos
fazendo do círculo
o universal
a vida é um círculo
que em uma volta
é o que se vive
e em outra volta
é o que se morre
e em (re)volta
é o que (re)nasce
ao imortal
o cosmos é um círculo
do olho que olha
do surgir da água
ao cair da folha
um círculo
da estrela ao átomo
da música ao dito
o círculo é um infinito




4 comentários:

Ana Bailune disse...

E somos os raios desse círculo, girando em torno do mesmo centro.

Julio Prates disse...

BRILHANTE.

Carla Ceres disse...

Gostei demais. Show de poema!

Janice Adja disse...

São momentos de círculos.
Beijos!!