18 dezembro 2012

da Previsão do Tempo


...o

Tempo
é um algo
de mais estranho:
dizem que pode ser marcado
marchado
por ponteiros de cobre
de cobra
ou gadanho

e ele vai
de hora em hora

hora por hora

e quando se vê
já foste embora...

e avança
minuto a minuto

minuto em minuto

e quando se vê
outra vez luto...

de infinito
segundo a segundo

segundo
sobre
segundo

seguindo
cegando

e quando se vê
já nem mais mundo...

nem mais mundo
mais mundo
mundo
o...

Tempo
é um alto
de mais tamanho...

3 comentários:

Ana Bailune disse...

Filosófico... a única previsão possível a respeito do tempo, é que ele passa.

Victor Said disse...

Nunca me dei por vencido com o tempo e mesmo que ele se alimente de minhas carnes, de meus mais doces dias e ideais, eu assim mesmo terei a poesia de cada dia pra me confortar quando o meu tempo acabar. belíssimo poema.

Janice Adja disse...

O tempo não passa. "Nóis" é que passamos, contamos a hora para impor regras.
Beijos!!