20 dezembro 2011

Papai Noel Canalha

papai noel
o que foi que me deste?
cada vez que recebo um teu presente
o meu viver pelo destino
se torna ainda mais doente

o que foi que nos deste?
cada um teu presente
é um roubo criminoso
de um planeta moribundo
para um homem decadente

olha para tua barriga
infestada da gordura extirparda
daqueles que morrem de fome
cada um presente teu
é um roubo (para os ricos)
de um planeta que se consome

touca de bandido
e saco de consumista
puxador de saco
dos que têm dinheiro
já os miseráveis
têm o nome riscado
da vergonha da tua lista

o que foi que me deste
papai noel?
só trouxeste mais pesar
com teu peso obeso
para a tormenta do meu céu...

4 comentários:

Dante disse...

Penso exatamente assim! Parabéns, seguindo o teu sensacional blog.

Natália Campos disse...

Embora nossa sociedade tenha deturpado a mensagem do Natal através do consumismo, dos mitos e das tradições vazias, não devemos deixar que estas coisas nos atrapalhem de apreciar o real significado do Natal. Devemos nos lembrar de Jesus, o verdadeiro Natal!

Beijos, querido Reiffer.

Ligéia disse...

É, o Papai Noel é o símbolo natalino do consumismo, de um comércio que, segundo a Bíblia, o próprio Jesus desbancou no templo transformado em mercado. Transformamos o dia de natal em mercado, e o aniversariante nem é lembrado.

beijo

Risco disse...

Prefiro nem falar deste Papai Noel!

Só resta franzir a testa e tsc tsc tsc

Hipócrita este sentimento que mostram através da imagem deste velho de vermelho.