18 agosto 2011

O Teu Sorriso Esperado


o teu sorriso  encantado
cantado por entre os sisos
o teu sorriso despido
caído por entre os pisos
o teu sorriso esvaziado
encatarrado o teu riso
o teu só riso calado
frio de lábio manchado
esse teu riso macabro
irônico do meu destino
o teu sorriso sarcástico
o teu sarcasmo descido
escárnio do meu maldito
se rindo do meu sangrado:

o teu deboche divino

7 comentários:

Weimar Donini disse...

Adorei... maravilhoso!
Parabéns por mais esta bela inspiração.

Sonia disse...

Gostei muito!


Bom dia...

Paredes disse...

..."o teu riso só calado..."!!!

ótimo FIM de semana!

Natalia Campos disse...

Bem-te-vi
Bem, te vi
E então sorri

http://aaurevoirr.blogspot.com/2011/06/bem-te-vi.html

Lindo poema. O sorriso ilumina o dia! Beijos beijos, mon cher. Au revoir ;)

Roberta Galdino disse...

olá.
adorei seu blog
é muito legal
estou te seguindo
aparece pelo meu, e me segue.. se quiser
bj

http://rgqueen.blogspot.com/

MIRZE disse...

LINDO, REIFFER!

Uma sincronia musical nesse poema quase concreto.

Beijos, poeta!

Mirze

Davi Machado disse...

Tanto cínico teu poema hehe
muito foda!