22 dezembro 2010

Palavras de Silêncio...

eu nunca digo teu nome
porque ele está em tudo que falo
e ainda mais no que calo
eu nunca calo teu nome
porque ele está em tudo que digo
esteja o ser
ou seja o eu contigo

teu nome é o verbo
de cada reverso
cada palavra
aqui bem ou mal-dita
é teu nome
em outro universo
em três letras de um código
sem sim
a ser fim
no alter-lado da vida

teu nome é um planeta que orbita
ao redor do núcleo de um átomo
e é um elétron que gira
ao redor do sistema de um sol
teu nome é alma e é som
e está só
e é pedra à estrela
e na pedra há uma estrela
seja em aura ou imersa
e vice-versa

o que mais sei
é o que não me disseste
mas sei que não saberei
todas as roupas que vestes
pela madrugada...

e como não Te dizer
se estás em tudo
e nadas cada vez mais
no meu nada?

9 comentários:

Mirze Souza disse...

Reiffer!

O Silêncio sempre fala mais alto.

Belíssimo poema!

Beijos

Mirze

Ju Fuzetto disse...

O silêncio é o refúgio onde a alma se esconde....

Feliz Natal!!

E que venha 2010!

beijos

Lika FRÔ disse...

Olá amigo do blog. Gostei da sua arte de escrever! "A arte é meu arrego, pro meu coração aconchego". Hasta más!

Janaina Cruz disse...

Há nomes que nunca saem de nós, que ficam em nossa alma como tatuagens eternas, e nós o chamamos, as vezes até gritamos, mas calar-se nunca!
Lindo os versos que tens, que sejam ótimos teus festejos de fim de ano.

Estrela Roxa disse...

Belíssimo poema!

Ianê Mello disse...

Mensagem de Natal


De novo é Natal
e o que nós fizemos?
Assim cantava John
em Happy Xmas.
Tantos natais ouvimos
esta mesma canção
e nada fizemos de fato.

Quantas vezes estendemos as mãos
à um irmão em súplica?
Quantos sorrisos doamos
e verdadeiramente enxergamos
o ser humano ao nosso lado?

Que este Natal traga
Novamente em sua vida
a oportunidade de ter
o pensamento iluminado
em ações de irmandade
E que possamos assim
diminuir a distância entre
a intenção e a realização.

Que o sentimento de amor fraterno
possa habitar o coração dos homens
e numa intensa e branca luz
a paz ilumine tudo ao redor,
suplantando todo o sofrimento e dor.


São os votos de

Ianê Mello e Beto Palaio

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

e como não Te dizer
se estás em tudo
e nadas cada vez mais
no meu nada?

Tatuado na alma...apenas o silêncio fala...de amor.
Como sempre a poesia FALA...em ti.
Votos de Feliz Natal, junto de todos que amas.

Beijinhos
Sonhadora

Davi disse...

"teu nome é um planeta que orbita
ao redor do núcleo de um átomo"

gostei muito dessa parte, grande poema!

Neuzza Pinhero disse...

linguagem densa, apaixonada,A.R.
tem química, um poema perfumado e corrosivo ao mesmo tempo.
Desejo a vc todo o bem que se possa
muita saúde, invenção, amores e elos. Que o mundo ainda dure

grande abraço!