28 setembro 2010

Eu passo do ponto. E pronto.

Em 2009, eu e meu amigo músico Marcus Vinícius Manzoni realizamos um trabalho em parceria, cujo resultado foi a letra "O Ponto". Serve como letra e como poema. Agora, o Marcus musicou a letra, e o fez com grande qualidade, um trabalho realmente digno de admiração. Tanto a parte instrumental quanto a vocal estão muito bem compostas e executadas. Quem quiser conferir a música, aqui está:

http://palcomp3.com/marcusmanzoni/

O poema/letra está abaixo:

O Ponto

até certo ponto
me atiro da ponte
até certa ponte
eu passo do ponto
uma ponte no passo
a um passo da ponte
me atiro com um tiro
se passo do tiro
me volto ao meu ponto
passo ponto e ponte
mas e eu estou onde
que nunca me encontro
e nunca estou pronto?

na ponta da noite
me aponto no escuro
ponteando socorro
batendo no muro
no ponto do erro
na margem da ponte
eterno horizonte
eu bato no peito
eu penso se corro
e nunca me encontro
e nunca estou pronto?
eu passo do ponto
e pronto.

8 comentários:

Marcus Vinícius Manzoni disse...

Fala, meu amigo! Belo post. Uma bela poesia. Esperamos que todos gostem! Abraços.

Mirze Souza disse...

Reiffer!

O poema é belíssimo! E com a música ficou bárbaro!

Um forte abraço!

Mirze

Michelle Buss disse...

Parabéns a ambos! Muito bom o trabalho! Poesia intensa, música repleta de nuances.

Nadine Granad disse...

Uauuuuu
Adorei o jogo sonoro!...
A versão musical também!!!
Beijos =)

Sensacional...

Vampira Dea disse...

Extasiada!!! Lindo demais.

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta
Lindo poema e musica maravilhosa.
Deixo o meu carinho e um beijinho.

Sonhadora

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta
Lindo poema e musica maravilhosa.
Deixo o meu carinho e um beijinho.

Sonhadora

Lara Amaral disse...

Amei! Muito bem feitas, letra e música.