22 março 2010

a Ele

ó Tu
Rio sem fim
que percorre o universo...
quatro letras de arcanos
tem o Teu nome no eterno...
os Teus coros de anjos
elevam-nos em luz e sombra
às alturas do céu da alma...
Tu nos consolas na dor
e na calma...
Tua mão de Pai
engendrou a música das esferas
criou mundo e sonhos
astros e quimeras...
Teu espírito paira
pelo espaço pela noite pelo mar
Teu coração
nos ensinou a amar...

Dirão que Tu és DEUS...
Mas Tu és BACH.

(Poema em homenagem aos 325 anos de Johann Sebastian Bach, comemorado ontem, dia 21/03/2010. Lembro aos leitores que Bach significa "rio" em alemão.)

12 comentários:

Leca disse...

Bach...é divino...
me acalma...
Doce Rio...
Bela homenagem...
beijos
Leca

Ju Fuzetto disse...

Maravilhoso!!

parabéns

abraço

Milton Ribeiro disse...

Na verdade, Bach é "ribeiro"...

hahahaha

A. Reiffer disse...

Bach! Vou ter que mudar o poema, hehe! Na verdade, como disse Beethoven, Bach deveria chamar-se Oceano.

Milton Ribeiro disse...

http://miltonribeiro.opsblog.org/2010/03/22/a-fundacao-da-sociedade-bach-porto-alegre/

Ana Lucia Franco disse...

Olá Reiffer,

Descobri teu blog por acaso e gostei bastante dos poemas que li. Esse em especial tem um tom místico suave e marcante.

abrs!

Rúbida Rosa disse...

Agradeço a visita e comentário. lembrava de ter lido trechos de Cântico Negro no teu blog, de fato, o estilo desse autor lembra muito o teu ou vice-versa!
Parabéns pelo lançamento do novo livro! Vamos adquirir a versão digitalizada.
Abraço

Walmir disse...

Muito bom, mano.
justíssima lembrança em boa poesia.
Cá estou de volta, após longa distância.
Paz ebom humor,sempre
Walmir
http://walmir.carvalho.zip.net

Sonhadora disse...

Maravilhoso poema, gosto muito dos seus poemas.
Vou voltar.

beijinhos
Sonhadora

Denise Portes disse...

Lindo poema!
Não sabia dessa data e escrevi sobre o rio rsrs
Gosto muito da sua poesia!
Um beijo
Denise

Naty Araújo disse...

Ótimo, Reiffer...
De excelência tuas palavras.
Surpreenderam-me.

Abraços.

Sylvia Araujo disse...

De águas sôfregas e caudalosas. Linda homenagem a esse rio-mar.

Obrigada pelo carinho com as minhas letras. Agora que conhece meus Sonhos, passeia lá na minha Abundante-mente.

Eu volto.

Meubeijopravocê